segunda-feira, 30 de março de 2015

Transporte publico

Transporte publico, tanto se faz e nunca muda, desde meus 10 anos de idade a uns 35 anos atrás o transporte publico é um péssimo serviço, ônibus trens atrasados cheios, cobradores e motoristas sem condições de exercer a função, e por mais que façam nunca faz o suficiente, dia 26 minha mulher mariana maria pegou um transporte o carro 16037 que vinha da lapa com destino ao jardim da conquista linha 8010/10, pegou na praça do samba, e o motorista estava muito alterado, parecia um louco e corria como um corredor de formula indy, ela com uma criança no colo segurando uma pela mão e gravida de 8 mês, o motorista ao meu ver sem condições de ser motorista, não esperou ela se sentar, ela caiu por sorte conseguiu cair no banco, e o cara continuou correndo mesmo depois dela gritar com ele, dois pontos depois subiu outra passageira com criança de colo e não conseguiu passar o bilhete nem se sentar, correndo risco de cair e do seu filho se ferir, o motorista só parou para ela sentar uns 6 pontos depois, isso porque a mulher o ameaçou falou que se machucasse o filho dela o marido dela o mataria.
Então este motorista sem condições agiu assim por alguns motivos:
1.       Ele é o dono do veiculo 16037, e os donos de veículos a maioria deles se acham os donos da linha, e destratam todos, passageiros outros motoristas da mesma linha e de outras linhas, e os fiscais, e destratam ate os cordeadores de linha.
2.       O carro que vinha atraz dele já tinha o alcançado, isso porque ele deve na linguagem do transporte, ele deve ter arrastado o carro de traz, para carregar mais passageiros, e pelo horário do ocorrido 17:40 horas eles estavam 8 minutos um do outro, então se chegar no final um carro junto com o outro o carro de traz passa na frente do carro da frente.
3.       As punições não surtem efeito, quando tem uma ocorrência deste tipo o passageiro, em vez de ligar na sptrans ele as vezes reclama fala com o fiscal, o fiscal anota e fala que vai levar ao conhecimento do coordenador da linha e o coordenador da linha levara ate a garagem para um operacional. Mas não é isso que ocorre fica na linha com o fiscal as vezes o fiscal passa para o coordenador mas não sai daí, e o motorista nem é informado que esta errado, e algumas vezes quando chega até (deus) o motorista dono do carro pois ele se acha um deus, ele xingar o passageiro e fica por isso mesmo, e quando se por acaso isso chegar até o operacional, o motorista tem que fazer uma reciclagem.
Então será que é por isso que a maioria dos motorista não tem condições de exercer a função?
Assim sendo por este e outros motivos criei este blog, e uma pagina no Facebook, (De olho nos nossos direitos), e vou fazer a reclamação no 156 (sptrans).
 É ISSO, FALEI, FOI DITO, ESTA FALADO.

                                                                       Morte aos Políticos corruptos do Brasil.