segunda-feira, 7 de setembro de 2015

EMTU

Sabe, eu, bem, é que, então, assim, bom, é: A empresa EMTU agora quer que você atrapalhe o xaveco e as brincadeiras dos fiscais para se identificar. Como assim? ? ? ?
Eu explico, os ônibus que fazem a interligação entre municípios da empresa metropolitana de transportes urbanos EMTU, não deixa os portadores de crachá de outras empresas embarcar pela porta traseira, nem mesmo uniformizado apresentando o crachá, embarque só pela porta da frente, até ai tudo bem, mas dependendo do dia do local e da linha vai ter muita gente na frente querendo sentar, mulheres com crianças idosos, entre outros, e pouco lugar. Mas tudo bem embarque é pela porta da frente.
Então quando o ônibus esta para cruzar um certo tempo percurso ou espaço, não sei ao certo, tipo sair de um município para o outro, ele para neste ponto e um fiscal entra no ônibus, ele anota algo e pergunta a todos os passageiros onde ele vai descer como ele vai pagar a passagem, então eu penso que não interessa como eu vou pagar a passagem, não tenho que dar satisfação,  de minha vida ação etc. e tal. E tem um destes ônibus que peguei uma vez, não lembro ao certo mas acho que era de Itapevi ate são Paulo  parou duas vezes para a entrada do fiscal. Então ai voltando ao assunto, eu estava no 197 Barra funda até Francisco Morato, peguei no ultimo ponto de Perus, quando chegou em laranjeiras entrou um fiscal com a prancheta, e outro fiscal ficou arrumando o retrovisor para o motorista e eu parei e fiquei prestando atenção na conversa, e o motorista falava que era pra o retrovisor ficar na cobradora pra ele poder ver ela, isso atiçou acendeu, despertou algo no fiscal porque ele foi pra perto da cobradora e ficou xavecando com um papo furado. Não me perguntaram nada, nem olharam pra mim, a cobradora estava mais interessante, então ai quando chegou em franco eu fui descer mostrei o crachá para o motorista, ele falou, “você não vai pagar a passagem? ? ? ? respondi não sou chapéu de bico” motorista mas você não mostrou o crachá para o fiscal, tem que pagar a passagem se não desconta da cobradora. Eu falei, é que eles estavam ocupados xavecando a cobradora, ta bom. Fiquei pensando como o fiscal sabe que eu não paguei a passagem se entrou pessoas de laranjeiras ate franco, não sei, mas sei que é um sistema muito bom.
Então na volta eu descobri que o outro fiscal é o que fiscaliza os ônibus que vão para São Paulo.
     
              É isso, Falei, foi dito, ta, falado.
                                                       
                                                       Morte aos políticos corruptos do Brasil.

Grupo - Morte aos políticos corruptos do Brasil
Pagina - Politicos e políticas
Skype - joaniro.amancio.pereira
Facebook - joaniro Amâncio pereira – Jamp Amancio
www.ocidadaoeapolitica.blogspot.com.br

DE OLHO NOS NOSSOS DIREITOS